quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

Carteiros de Cataguases e Leopoldina atendem juntos 475 pedidos ao Papai Noel

Todo ano, eles dão duro para fazer uma criança feliz e este ano, não foi diferente. O Papai Noel dos Correios fez com que os carteiros de Cataguases e Leopoldina, trabalhassem sábado e domingo para conseguir atender aos pedidos das crianças que escrevem cartinhas para o Papai Noel. A expectativa é de entregar todos os pedidos até hoje (24).

Os Correios de Leopoldina (Foto acima) e de Cataguases
(Foto Abaixo), receberam bastante presentes para a campanha
deste ano.
Fotos Paulo Lúcio e Fábio Cunha Lopes
Em Cataguases, foram 235 cartas atendidas e em Leopoldina, 240 cartas, em vários bairros, sendo que a campanha em Leopoldina, teve um acréscimo de 300% em relação ao ano passado que teve 80 cartas atendidas.

Em 2014 a campanha Papai Noel dos Correios completa 25 anos, e já se tornou hoje uma das maiores campanhas sociais do Brasil. A campanha tem como principal objetivo responder às cartas das crianças que escrevem ao Papai Noel e, sempre que possível, atender aos pedidos de presentes daquelas que se encontram em situação de vulnerabilidade social. Nos últimos três anos, em todo o País, foram recebidos 3,1 milhões de cartas destinadas ao Papai Noel dos Correios. Desse total, 1,9 milhão de cartas atendiam aos critérios da campanha e quase 74% foram adotadas (1,4 milhão).

As cartas ficaram expostas nas agências dos Correios até a primeira semana de dezembro, onde os padrinhos ou madrinhas puderam ler e adotar quantas cartas quisessem, fazendo as vezes do bom velhinho. Este ano, o projeto ganhou força através do hotsite da campanha: blog.correios.com.br/papainoeldoscorreios.

Os pedidos são variados, como brinquedos, cestas-básicas e material escolar.


*Com informações e fotos de Paulo Lúcio

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Farmácias de Plantão em Cataguases
27 Domingo
28 Segunda
29 Terça
30 Quarta
01 Quinta
02 Sexta
03 Sábado
Droga Minas Coimbra Econômica
Pague Menos Aeropharma Drogaria da vila