terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Mais de 500 esportistas pleiteiam benefícios do Programa Minas Olímpica

A Bolsa-Atleta e a Bolsa-Técnico procuram fornecer apoio financeiro para obtenção de melhores condições de preparação e resultados

As inscrições para o Programa Minas Olímpica Bolsa-Atleta e Bolsa-Técnico foram encerradas na última semana. Ao todo, pleitearam o benefício 556 atletas e 82 técnicos, com um cadastro total de 2.175 resultados em competições: 1.172 estaduais, 794 nacionais, 176 internacionais e 33 olímpicos/paralímpicos.

A Bolsa-Atleta e a Bolsa-Técnico visam apoiar financeiramente atletas e técnicos desportivos que apresentem bons históricos de resultados em competições de âmbito estadual, nacional, internacional e olímpico/paralímpico. Com as bolsas, atletas e técnicos têm condições melhores para se prepararem para competições desde regionais, até olímpicas.

Bolsas disponíveis 

O edital nº01 publicado em 2014 disponibiliza 109 bolsas ao todo. Aos atletas, destinam-se 35 para categoria estadual, 35 para a nacional, 10 para a internacional e 9 para a categoria olímpico/paralímpico. Já para os técnicos são reservadas 10 bolsas na categoria estadual e 10 distribuídas entre as categorias nacional e internacional.  A quantidade de bolsas disponíveis, por categoria, poderá ser remanejada em caso de demanda inferior ao quantitativo previsto no edital de seleção.

A concessão da Bolsa-Atleta e da Bolsa-Técnico se dá, anualmente, mediante edital. Os contemplados vão firmar termo de compromisso com a Secretaria de Estado de Esportes e receber repasse financeiro bimestral, pelo prazo de 12 meses.

Após a inscrição, a seleção passa por outras três etapas: homologação dos resultados cadastrados no momento da inscrição; classificação e seleção dos atletas e técnicos de acordo com a colocação na competição de referência da categoria de bolsa específica, e análise dos documentos encaminhados pelos selecionados na etapa anterior.

O Programa 

A Bolsa-Atleta e a Bolsa-Técnico foram regulamentadas por meio da Lei nº. 20.782, publicada em 19 de julho de 2013. O objetivo é repassar um valor financeiro aos contemplados para que seja utilizado, preferencialmente, para cobrir gastos pessoais como transporte, hospedagem e alimentação, além de participação em cursos de aprimoramento profissional, no caso dos técnicos, e aquisição de materiais e equipamentos para o treinamento, no caso de atletas.

Os valores da bolsa variam de acordo com nível pleiteado pelo atleta ou técnico. Para os contemplados na categoria bolsa-atleta estadual, o repasse será de R$ 750; nacional de R$ 1.500; internacional de R$ 2.500; e olímpica ou paralímpica de R$ 5 mil. No caso dos técnicos, a bolsa será de R$ 1 mil ou R$ 3 mil.

A tabela a seguir apresenta o número de atletas e técnicos inscritos por modalidade esportiva:

Fonte: Agência Minas

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Whatsapp Mídia Mineira
Farmácias de Plantão em Cataguases
03 - Domingo 04 - Segunda 05 - Terça 06 - Quarta 07 - Quinta 08 - Sexta 09 - Sábado
Econômica III Droga Minas Coimbra Econômica FarmaCenter Cataguases II Droganova
Vasconcelos Pague Menos Aeropharma Drogaria da Vila N. Sra. Rosário Silveira Farmanossa