quarta-feira, 18 de março de 2015

VÍDEO: Vereadores do "Blocão" se revoltam com informativo de Serafim e Titoneli

O vereador Paulo Sérgio Ribeiro Ventura (Aritana) ocupou a tribuna da Câmara Municipal de Cataguases, na sessão ordinária, na noite dessa terça-feira (17), para reclamar do informativo distribuído pelos vereadores Serafim Spíndola e José Augusto Titoneli.

O vereador disse que tem sido questionado por pessoas em seu bairro, com relação a expressão usada no informativo, onde diz que vereadores do "blocão", ao qual ele faz parte, "entram pela porta dos fundos da prefeitura". Segundo o vereador, o informativo não informa a verdade, pois quando ele utiliza a porta lateral para conversar com o prefeito, é para tratar de assuntos de interesse do povo em horários em que a porta da frente já está fechada, por isso, considerou a expressão como maldosa. "Eu entro sim, e vou continuar entrando, mas não vou entrar escondido, nas caladas da noite. Eu vou entrar pela porta de trás sim, porque o expediente está encerrado e o meu prefeito fica até às 8 horas da noite lá e ele me atende de braços abertos e quando nós vamos lá, é para defender Cataguases, é para defender o nosso bairro. Isso é uma covardia, eu não aceito isso! [...] Eu fico triste de subir aqui pela primeira vez pra falar isso [...] hoje estou completando 59 anos e acho que não merecia um presente desses, isso pra mim é calúnia, é difamação, é jogar o povo de Cataguases contra a gente, porque meu nome está citado aqui" disse o vereador.

Os vereadores Fernando Pacheco Fialho e Geraldo Majella Mazini, também foram solidários ao vereador Aritana. Pacheco disse que "é uma maldade insana, colocar o povo e o jornalismo contra uma intenção, achando que é uma coisa partidária e eleitoreira", ele fez questão de frisar que o bloco parlamentar, não tem nenhum cunho direcionado partidário ou parcial para alguém. 

Majela disse que quando eles eram Mesa Diretora, também foi criado o bloco da maioria e foi aceito sem problemas. "Quando colocou que entra pela porta dos fundos, a intenção foi depreciar mesmo o nosso grupo, aquelas pessoas que estão ali".


O clima esquentou mais ainda, quando chegou a vez do vereador Serafim, que também estava inscrito para falar, passar sua versão do que foi escrito. Segundo ele, o informativo não falou mentiras, porque os vereadores confirmaram que realmente entram pela porta dos fundos e que em momento nenhum, ele disse que estariam entrando para praticar algo escuso. 

Quanto a frase na matéria do informativo onde diz que os vereadores pertencentes ao "Blocão" seriam privilegiados, o vereador disse que ter privilégios, é quando a comunidade sabe que a pessoa está levando alguma vantagem e que no informativo, nada disso foi falado. "Privilégio é quando chega a turma da prefeitura e procura o vereador para fazer o serviço tal e tal, é o chamado mensalinho. Mensalinho é quando o prefeito todo mês banca 3, 4 funcionários a disposição do vereador, isso sim é privilégio" afirmou.

Os vereadores Fernando Amaral, Aritana, Fernando Pacheco e Geraldo Majella, se irritaram com Serafim, pois disseram que a expressão usada era para depreciar os vereadores que estavam na foto com o prefeito e o debate ficou acalorado, com tons de voz elevados de todos os lados. "Eu fico nessa altura preocupado com o prefeito Cesinha, ninguém quer ficar do lado dele" afirmou Serafim.
A Matéria do Informativo de Serafim e Titoneli, causou um mal-estar entre os vereadores.que fazem parte do "Blocão".
Confira toda discussão nos vídeos abaixo.



Nenhum comentário :

Postar um comentário

Whatsapp Mídia Mineira
Farmácias de Plantão em Cataguases
05 - Domingo 06 - Segunda 07 - Terça 08 - Quarta 09 - Quinta 10 - Sexta 11 - Sábado
Farmacenter Drogaria Silveira - Calçadão Droganova Drogaria São Francisco N.Sra.Aparecida Brasil Sta. Tereza
N.Sra. Rosário Farmácia Cataguases II Farmanossa Farmácia Cataguases Campinho São Mateus Silveira II