quinta-feira, 28 de maio de 2015

Coordenadoras da Secretaria Municipal de Saúde falam sobre a falta de vacina BCG em Cataguases

A Coordenadora de Imunização, Sirlaine Garcia Cardoso e a Coordenadora de Epidemiologia, Lívia Machado Milane estiveram no programa Mídia Mineira em Debate que vai ao ar pela Rádio Cataguases AM, de segunda a sexta-feira a partir das 12 horas para falar sobre a campanha de vacinação no município e aproveitaram para explicar sobre a falta da vacina BCG em Cataguases, devido a diversas reclamações enviadas para a redação do site. A vacina, protege a criança contra tuberculose e deve ser dada nas primeiras horas de vida do recém nascido.

Conforme explicou Sirlaine Cardoso, o problema não é exclusivo de Cataguases, mas existe um problema de distribuição em todo o país e vários municípios estão registrando falta da vacina. Para não deixar as crianças desassistidas, a Secretaria de Saúde, está mantendo uma lista com nome e telefone das mães para que a medida que os frascos são disponibilizados as mães estão sendo chamadas para levarem as crianças. Ela ressaltou também, que as mães devem ficar atentas ao número de telefone informado e que como o frasco é multidose, devendo ser utilizado em um período máximo de 6 horas após a abertura, para não perder a eficácia, as mães quando contactadas devem comparecer com urgência a sala de vacinação para não perder a chance de vacinar seu filho.

Lívia Machado, disse que ainda não existe uma previsão de normalização das doses, que o problema não é exclusivo da rede pública, pois o laboratório que fornece para a rede pública fornece também para a rede privada e que não adianta ir para outro município para ser vacinado. "O município teve de trabalhar com o seguinte objetivo: Vacinar o maior número de crianças possível com o aproveitamento de 100% das doses. [...] A gente sabe que às vezes é desconfortável ter de agendar e não é o propósito do Ministério da Saúde, mas foi a forma que nós encontramos para evitar desperdício de doses através desse agendamento, senão, correríamos o risco de abrir um frasco, diluí-lo, administrar uma ou duas doses e o resto ficar inutilizado, o que seria um desperdício e falta de responsabilidade e comprometimento com as demais crianças." completou.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Farmácias de Plantão em Cataguases
27 Domingo
28 Segunda
29 Terça
30 Quarta
01 Quinta
02 Sexta
03 Sábado
Droga Minas Coimbra Econômica
Pague Menos Aeropharma Drogaria da vila