quarta-feira, 24 de junho de 2015

Câmara aprova subvenção para o Campeonato Suburbano


A Câmara Municipal de Cataguases, aprovou por unanimidade, na noite desta terça-feira (23), em sua sessão ordinária, o Projeto de Lei do executivo nº 17/2015 que referenda convênio celebrado entre o Município de Cataguases -MG e a Associação Recreativa Suburbana, para realização do campeonato suburbano de Cataguases que teve seu inicio na sexta-feira (19). O projeto prevê o repasse de subvenção no valor de R$ 16.860,00, que serão gastos principalmente com arbitragem e aluguel dos campos, sendo o total de R$ 12.600,00 com arbitragem, R$ 3.200,00 com aluguel dos campos e o restante, R$ 1060,00 com a premiação, referente a compra de 3 troféus. Ao todo, serão 32 partidas e o valor está previsto para ser pago em 3 parcelas de R$ 5.620,00.

Os demais projetos da pauta não foram votados pois o de nº 06/2015 do Executivo que "retifica Lei nº 2.482/95 que aprovou o Loteamento Nossa Senhora das Graças", teve o pedido de sobrestamento por 4 sessões, do vereador Fernando Pacheco, aceito por unanimidade. Em sua justificativa, o vereador disse que deseja aproveitar para consertar erros que ocorreram quando da aprovação do projeto original. 

Do Legislativo, o Projeto de Lei nº 58/2015, do vereador Antônio Batista Pereira, o Beleza, que "Institui o Passe Livre Gratuito para os Agentes Comunitários de Saúde que prestam serviço em todo o Município de Cataguases", teve pedido de vistas do vereador Mauricio Rufino e o Projeto de Resolução nº 05/2015, assinado por 9 vereadores, que "Introduz alterações e acrescenta dispositivos ao Regimento Interno da Câmara Municipal de Cataguases", visando dar maior transparência a prestação de contas do Legislativo, recebeu o pedido de vistas do vereador Vinícius Machado.

No inicio da sessão, o vereador Serafim Couto Spindola, deu entrada a um requerimento, em caráter de urgência, para saber o valor pago de juros pela Prefeitura de Cataguases ao INSS, aproveitando para denunciar que foi informado que o Executivo já gastou mais de R$ 50 mil em pagamentos de juros e multas por não depositar na data correta os encargos da Folha de Pagamento. O vereador também fez um requerimento para saber detalhes de um imóvel de propriedade do Município, no bairro Guanabara, que foi utilizado para Posto de Saúde e que hoje encontra-se depredado, sendo que o Município paga aluguel de outro imóvel para abrigar o posto.


Grande Expediente

No grande Expediente, utilizaram a tribuna, a líder comunitária e secretária da Associação de Moradores do bairro Sol Nascente, Elionay Morais da Silva e o vereador Fernando Pacheco Fialho.

A lider comunitária, pediu aos vereadores ajuda para que a Associação possa alcançar o objetivo de construir sua sede, ouvindo idéias de alguns deles sobre o que poderia fazer e o vereador Fernando Pacheco, usou a tribuna para justificar porque não ocorreu a republicação do Livro “O Município de Cataguases” de Artur Resende, aprovado na sessão de 15 de outubro de 2013, mas que por problemas relativos a direitos autorais, a republicação acabou não acontecendo ainda.

Confira abaixo os vídeos com as falas na íntegra:


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Farmácias de Plantão em Cataguases
27 Domingo
28 Segunda
29 Terça
30 Quarta
01 Quinta
02 Sexta
03 Sábado
Droga Minas Coimbra Econômica
Pague Menos Aeropharma Drogaria da vila