sábado, 8 de agosto de 2015

Parque Serra do Brigadeiro ganha exposição moderna e interativa na Zona da Mata

A Exposição Permanente no Centro de Visitantes do Parque Estadual da Serra do Brigadeiro está pronta para a visitação. Obras de artistas plásticos da região, vídeos, banners, painéis, maquetes e fotos contam a história do lugar, falam da importância da unidade de conservação e das curiosidades sobre a fauna e flora e dão as boas vindas aos visitantes.

Haendel de Abreu Machado é comerciante e mora em Canaã, cidade vizinha ao Parque. Ele conta que ficou surpreso com a beleza e estrutura do lugar: “Achei a exposição moderna e diferente. A qualidade de som é impressionante. Os vídeos recriam partes de cada área do parque e por isso a gente conhece mais”.

Para a Gerente das Unidades de Conservação Estaduais, Cecília Fernandes Vilhena, a exposição é interativa e lúdica para facilitar a absorção das informações disponíveis: “Com o convênio entre o Governo de Minas Gerais, inciativa privada através do Programa de Proteção da Mata Atlantica (Promata), foi possível executar o Projeto de Exposição Permanente no Centro de Visitantes. Ele oferece uma experiência inesquecível que mistura arte e cultura no parque”.

Os monitores geralmente são moradores da região que foram treinados para apresentar e acompanhar os turistas nas trilhas, escaladas nos picos e dar ainda informações sobre a natureza e a estrutura do parque. Por conhecerem bem a região, aproximam o turista àquele meio ambiente. A monitora, Lídia Alvim Lopes, recomenda que grandes grupos devem fazer agendamento prévio para visitar o parque para que o passeio seja melhor planejado e organizado.

Parque Estadual da Serra do Brigadeiro

Fundado em 27 de setembro de 1996, o Parque Estadual da Serra do Brigadeiro passa por oito municípios Araponga, Fervedouro, Miradouro, Ervália, Sericita, Pedra Bonita, Muriaé e Divino. As entradas são em Araponga e Fervedouro.

Com uma área de extensão de 14.984 hectares, tem reservas de Mata Atlântica que é a principal formação vegetal da área, com montanhas, vales, chapadas, encostas além de diversos cursos d'água que integram as bacias dos rios Paraíba do Sul e Doce.

O Parque abriga quatro picos: o Pico do Soares (1.985 metros de altitude), o Pico Campestre (1.908 m), o Pico do Grama (1.899 m) e o Pico do Boné (1.870 m). A capacidade total de visitantes por dia é 200 pessoas, de acordo com o plano de manejo do Instituto Estadual de Florestas (IEF).  Divididos por 50 pessoas na região norte do parque, 130 na região central e 30 na região sul.

Serviço:

O centro de visitantes está na sede do parque, na estrada Araponga/Fervedouro, Km 15, na zona rural de Araponga.

O funcionamento é de terça-feira a domingo, no horário de 8h as 17hs. No local não possui área de camping.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Farmácias de Plantão em Cataguases
27 Domingo
28 Segunda
29 Terça
30 Quarta
01 Quinta
02 Sexta
03 Sábado
Droga Minas Coimbra Econômica
Pague Menos Aeropharma Drogaria da vila