terça-feira, 1 de setembro de 2015

Candidata de Leopoldina foi a grande vencedora da categoria Inédita do Festival Estadual Sesi Música

Cantores e compositores, ligados a empresas do Estado, se apresentaram no último domingo, 30 de agosto, na grande final da 7ª edição do Festival


Fotos: Sebastião Jacinto Júnior

A 7ª edição do Festival Estadual Sesi Música mostrou que o talento que vem das fábricas não se resume apenas à produção industrial, mas também à produção cultural. Janaína Gentil, da cidade de Leopoldina, e João Victor Chaves, de Contagem, respectivamente nas categorias Composição e Interpretação, foram os grandes ganhadores da noite e levaram para casa o troféu Silvio Barbato e a premiação em dinheiro do Festival. Eles se apresentaram com outros 19 finalistas no último domingo (30) no Teatro Sesiminas. O evento da final, comandado pelo jornalista e radialista Tutti Maravilha, levantou uma plateia de mais de 800 pessoas e apresentou grandes sucessos já reconhecidos, além de novas composições.

Na categoria Composição, Janaína Gentil, da empresa Rio Branco Alimentos, em Leopoldina, ganhou o primeiro lugar, com sua canção “Mulher de Batalha”. Para Janaína, ganhar o festival com uma música que ela compôs sobre sua própria luta diária foi uma importante vitória. “Escrevi sobre mim, sobre minha experiência e, mesmo que eu já tenha ganhado o Festival uma vez, na categoria Interpretação, ganhar este ano com algo que criei foi muito emocionante”. Em segundo lugar, ficou Di Souza, de Belo Horizonte, representando a empresa Copasa, com sua música “Horizonte Pantaneiro”. Célio Roberto, de Belo Horizonte, levou para casa o terceiro lugar da categoria, com a canção “Pão e Circo”, representando os Correios.

João Victor Chaves (da empresa Minas Brasil Indústria e Comércio de Móveis, em Contagem), conquistou o público e os jurados com a música “Papel Machê” e levou pra casa o primeiro lugar da categoria interpretação. Embora já tenha experiência em cantar em bares e festas, para João Victor cantar em um teatro, com a atenção voltada para sua apresentação foi uma sensação única. “Havia tantos candidatos bons, nem imaginei que poderia ser o vencedor. Quando ouvi meu nome, nem acreditei, foi um reconhecimento do meu trabalho que só o Festival poderia proporcionar”, completa. Quem levou o segundo lugar foi Leo Viana, de Itaúna (empresa Correios), com a música “Flores em Vida”, seguido por Adriana Aielo, de Barbacena, que representou a empresa Vale Manganês S/A, que ficou em terceiro lugar.

O júri foi composto por Ana Cristina, cantora, compositora, publicitária, gestora e consultora de projetos e agitadora cultural; Ivan Corrêa, multi-instrumentista, arranjador, produtor, diretor musical, professor; Wilson Sideral, cantor e compositor; Titane, Cantora; e Saulo Laranjeira, um dos artistas mais completos do Brasil e um incansável fomentador da cultura popular. Após meia hora de deliberação, enquanto as torcidas aguardavam o resultado, foram anunciados os ganhadores que levaram para casa, além do troféu, uma premiação em dinheiro.  Ao todo foram distribuídos R$ 26 mil, sendo R$ 6.000 para os primeiros colocados, R$ 4.000 para os segundos e R$ 3.000para os terceiros lugares.

Esta edição do Festival recebeu 139 inscrições, de industriários e empresários da indústria, cônjuges e filhos dos empregados. Mais de 40 cidades mineiras foram representadas nas inscrições, que envolveram 114 empresas. Deste total, 40 músicas passaram para a fase semifinal que aconteceu em julho e selecionou os finalistas desta edição. Para o Gerente de Cultura do Sesi MG, Thiago Maia, o sucesso do Festival Estadual Sesi Música demonstra como as empresas vêm percebendo a importância da cultura para a indústria. “A cada edição, percebemos um envolvimento maior das indústrias, que já perceberam a diferença de envolver seus empregados em produções culturais. O resultado é sempre positivo, tanto em mudanças na atmosfera da empresa quanto na produção. Se a qualidade de vida do industriário melhora, seu trabalho também”, acrescenta.

Aquecimento para o grande dia

Antes de subir ao palco do Teatro Sesiminas, os finalistas passaram por um dia intenso de treinamento em oficinas de preparação vocal, com a cantora Andrea Amendoeira, e aprimoraram a expressão corporal com a arte-educadora em dança Carolina Padilha. Para as apresentações, o SESI convidou uma banda com importantes músicos da cena mineira sob a batuta do maestro Fernando Muzzi: no contrabaixo Juninho Fiúza; na bateria Thiago Peixoto; na percussão Serginho Silva; na guitarra, violão e cordas, Samy Érick; no violão e arranjos, Fernando Muzzi; no teclado e piano Samuel Ekel; no saxofone Breno Mendonça; trombone baixo Leonardo Brasilino e no trompete Wagner Souza.

O Festival Estadual Sesi Música

O Festival SESI Música, do qual só podem participar industriários e empresários da Indústria, assim como seus cônjuges e filhos, é realizado anualmente pelo Serviço Social da Indústria (SESI), com o objetivo de promover a cultura entre trabalhadores do setor, além de valorizar e fomentar a produção musical do país. Desde que foi criado, há sete anos, o concurso busca delinear novos horizontes na vida de milhares de trabalhadores da indústria, além de promover atividades culturais nas empresas, melhorar a qualidade de vida, motivar equipes e, assim, contribuir para o aumento da produtividade.

O maestro Silvio Barbato criou o Festival SESI Música, em 2008, assim como o programa Valores da Música, desenvolvidos pelo SESI em todo o país. O maestro morreu um ano depois em um dos mais graves acidentes aéreos da história do Brasil – o vôo 447, da companhia Air France e o seu nome foi escolhido para batizar o troféu.

Vencedores do Festival SESI Música 2015

Categoria Composição
  • 1º colocado: Janaína Gentil – música Mulher de Batalha. Cidade Leopoldina / Empresa Rio Branco Alimentos
  • 2º colocado: Di Souza – música Horizonte Pantaneiro.  Belo Horizonte / Empresa Copasa
  • 3º colocado: Célio Roberto – música Pão e Circo.  Cidade Belo Horizonte / Empresa Correios

Categoria Interpretação
  • 1º colocado: João Victor Chaves – música Papel Machê. Cidade Contagem / Empresa Minas Brasil  Indústria e Comércio de Móveis
  • 2º colocado: Leo Viana  – música Flores em Vida. Cidade Itaúna / Empresa Correios
  • 3º colocado: Adriana Aielo – música Nada Além de Ti. Cidade Barbacena / Empresa Vale Manganês S/A
Por Anne Morais/Assessoria de Comunicação Personal Press

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Whatsapp Mídia Mineira
Farmácias de Plantão em Cataguases
19 - Domingo 20 - Segunda 21 - Terça 22 - Quarta 23 - Quinta 24 - Sexta 25 - Sábado
Coimbra Econômica FarmaCenter Cataguases II Droganova São Francisco N. Sra. Aparecida
Aeropharma Drogaria da Vila N. Sra. Rosário Silveira Farmanossa Cataguases Campinho