quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Com queda na arrecadação, Cesinha prevê medidas de austeridade como protesto da Dívida Ativa e reclama da ação de vândalos


O prefeito de Cataguases José Cesar Samor (Cesinha), reuniu a imprensa na tarde desta terça-feira (15), em seu gabinete, com a participação do Major Miranda, Comandante do 146º Cia PM de Cataguases, do secretário de Administração, Walter de Paula e do Secretário de Desenvolvimento Econômico e Gestão Institucional, Alex Carvalho, com o objetivo de esclarecer alguns pontos referentes a sua gestão.

Vandalismo

O prefeito iniciou a reunião, dizendo que pessoas de sua confiança, teriam avistado, durante a madrugada, dois indivíduos em uma motocicleta revirando o lixo pela cidade e que na Praça Rui Barbosa, recém revitalizada, chegaram a arrancar 4 pastilhas com canivete próximo ao ponto de táxi. O prefeito também comentou sobre a "Placa Oculta" que foi colocada sob um dos bancos na Praça Rui Barbosa. Segundo o prefeito, o proprietário da Construtora Entre-Rios e a família já teriam se posicionado dizendo que não colocaram a tal placa. "Isso nunca aconteceu em Cataguases, mas está acontecendo agora porque? Porque nós estamos fazendo obras na cidade? Isto não se faz, porque está indo contra o patrimônio público de Cataguases" disse.

Em relação a esta questão, o prefeito revelou que já fez o Boletim de Ocorrência e pediu para o Major Miranda, a colaboração da PM no sentido de ajudar a identificar os tais vândalos. "Está acontecendo e nós temos que coibir, processar, porque isso não se faz." disse.

O prefeito também disse que já foi colocado um vigia na praça no período de 18 horas às 6 da manhã.

Restauração da Praça Santa Rita

Segundo Cesinha, já terminou o processo licitatório e a partir desta segunda-feira (21), iniciam-se as obras de restauração da Praça Santa Rita, com verba integral do Governo Federal, através do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, IPHAN, no valor de R$ 349 mil. A empresa vencedora é de Muriaé.

Dinheiro das Multas de trânsito

Conforme a prefeitura apurou, desde 2013, o Governo Estadual não repassou nenhum centavo referente as multas de trânsito aplicadas no município. O prefeito explicou que a prefeitura já está interpelando junto aos órgãos competentes do Governo do Estado pois Cataguases tem direito a 50% conforme convênio válido até 2017 e que o valor não repassado chega a aproximadamente R$ 300 mil. 

Fundo de Participação dos Municípios (FPM)

Outro fato preocupante, foi a revelação de que neste mês de setembro, o FPM caiu 39% em relação ao mesmo período do ano passado, ou seja, conforme exemplificou, no dia 10 de setembro do mês passado, o Município recebeu pouco mais de R$ 1,2 milhão e este ano, apenas R$ 854 mil. "É para vocês entenderem que as coisas não estão fáceis, a receita está diminuindo, como é que eu vou fazer? Amanhã, eu tenho os compromissos, se eu não pagar vem todo mundo em cima de mim, protestar em frente a prefeitura, tem uma Câmara com pessoas que não compreendem, como é que eu faço?"

Dinheiro do Cinema

Cesinha também confirmou que, este mês, com autorização do judiciário, usou todo o dinheiro que estava sendo depositado em juízo, para compra do Cine Teatro Edgar, quase R$ 1 milhão, para pagar a folha de pagamento mas afirmou que o dinheiro será reposto em janeiro de 2016 e que continuará as negociações com os proprietários para compra do mesmo. O prefeito também, disse que tem depositado mensalmente para este fim, apenas o dinheiro repassado pela Câmara (R$ 40 mil), pois a prefeitura não está tendo condições de completar os outros R$ 40 mil conforme acordo. 

Sobre o valor referente ao aluguel do Cine Teatro, a prefeitura paga mensalmente pouco mais de R$ 11 mil e estava com 3 meses em atraso, mas segundo o prefeito, 2 meses já foram quitados.

Medidas para diminuição de gastos

O prefeito disse que para tentar equilibrar o orçamento, tem revisto os contratos como foi o caso da troca da empresa responsável pela coleta de lixo e além disto, confirmou que terá de demitir vários contratados e que este foi um erro de sua administração.

Outra medida que deverá ser adotada para tentar aumentar a receita, será o protesto de parte da dívida ativa, com menos de 5 anos, no valor de R$ 2.769.838,16. 

Cesinha também anunciou que até 15 de outubro, a maior parte das secretarias municipais passarão para o antigo prédio do Pronto Cordis o que gerará uma grande economia.

Boas noticias

Na mesma reunião, o prefeito também anunciou que já foi liberado e que já chegou a emenda do deputado Wadson Ribeiro de aproximadamente R$ 2 milhões, sendo aproximadamente R$ 800 mil para serem investidos na saúde e aproximadamente R$ 1,2 milhão para infraestrutura.

Além disso, Cesinha disse que já está liberado e em processo de licitação a construção de duas creches e que existe projeto e negociação em andamento para a construção de 600 casas populares através da Cohab (Companhia de Habitação).

Outro projeto que está em andamento, é a negociação com o Governo do Estado do prédio do antigo Pronto Socorro Municipal para instalação de tratamento de Câncer através de radioterapia e da quimioterapia.

Licitação dos Ônibus

O prefeito encerrou a reunião, confirmando que vai licitar os serviços de ônibus e de táxis. "Eu preciso ter uma licitação para que todos tenham condições de rodar, inclusive o pessoal da Viação Dorico [...] É ruim, tem muita gratuidade, mas saiu a Dorico e compraram um monte de veículos, como é que é isso?" completou.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Whatsapp Mídia Mineira
Farmácias de Plantão em Cataguases
22 - Domingo 23 - Segunda 24 - Terça 25 - Quarta 26 - Quinta 27 - Sexta 28 - Sábado
Droganova São Francisco N. Sra. Aparecida Brasil Sta Tereza Econômica II Atlas
Farmanossa Cataguases Campinho São Mateus Silveira II Silveira (vila) Vasconcelos