domingo, 25 de outubro de 2015

Após nova proposta da Fenaban greve dos bancários deverá terminar nesta terça-feira

Após nova proposta da Fenaban para o Comando Nacional dos Bancários, com números mais próximos do que pretendia a classe, a tendência é que a greve dos bancários termine nesta terça-feira (27), após uma assembléia geral que acontecerá às 18 horas desta segunda-feira em Belo Horizonte para análise e deliberações.

A proposta prevê além dos reajustes de 10% para os salários, para a PLR e para o piso, o de 14% para os vales refeição e alimentação, já ofertados na sexta-feira (23). Os banqueiros também aceitaram abonar 63% das horas dos trabalhadores de 6 horas, de um total de 84 horas, e 72% para os trabalhadores de 8 horas, de um total de 112 horas. Serão considerados para efeito de compensação os dias de paralisação de 6 de outubro a 26 de outubro de 2015. Assim, um dia após a assinatura do acordo, os trabalhadores compensariam, no máximo, uma hora por dia útil, até o dia 15 de dezembro. De acordo com a Fenaban, a proposta só é valida até segunda-feira.

Para o Sindicado dos Bancários, a nova proposta da Fenaban, apresentada no 19º dia da greve, significa a manutenção do modelo que vinha sendo colocado em prática nos últimos anos, de reposição integral da inflação mais aumento real e abono parcial dos dias parados. Segundo o sindicato, na proposta inicial, que levou os bancários à greve, os banqueiros se negavam até mesmo a repor a inflação do período e tentaram reconstruir um modelo ultrapassado de abono salarial.

“Foi pela garra, pela união e pela determinação dos bancários de todo o Brasil que os banqueiros, idólatras dos 7 Pecados do Capital, recuaram de suas propostas imorais e voltaram a negociar dentro dos parâmetros dos 11 anos de lutas vitoriosas para a categoria. Isto é muito gratificante. Uma greve é algo muito desgastante; somente os que a ela aderem é que sabem as pressões e o cansaço que se abatem sobre o psicológico e o físico e, então, ter um final assim é algo que alivia e engrandece o nosso estado de seres que são cônscios de seus deveres, mas que não abrem mão de seus direitos.” Argumentou José Antônio Silva, presidente do SINDIBAN Cataguases MG e Região que também aproveitou a oportunidade para chamar toda categoria bancária vinculada à base territorial do SINDIBAN para uma assembleia amanhã, 26 de Outubro (dia que consta do cômputo de anistia pelos banqueiros), às 18:00 horas para decidir a situação perante o movimento.

Tudo indica que a proposta será aceita e que os bancos voltem a funcionar nesta terça-feira (27), pois o Comando Nacional dos Bancários e o SINDIBAN Cataguases e Região estão recomendando pela volta ao trabalho.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Farmácias de Plantão em Cataguases
27 Domingo
28 Segunda
29 Terça
30 Quarta
01 Quinta
02 Sexta
03 Sábado
Droga Minas Coimbra Econômica
Pague Menos Aeropharma Drogaria da vila