sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Cesinha veta e atividade de mototaxista fica cada vez mais distante em Cataguases

O prefeito José Cesar Samor (Cesinha), vetou o projeto nº 34/2014, que "Regulamenta o exercício das atividades dos profissionais em transporte de passageiros “mototaxistas”, serviço comunitário de rua “motoboy” e transporte de mercadorias “moto-frete”", do vereador Vinícius Machado.

A mensagem de veto será apreciada pelos vereadores na próxima terça-feira (20) e acabou sendo uma surpresa para alguns profissionais da área que acreditavam que o prefeito ratificaria o projeto conforme conversa anterior com o Chefe do Executivo. Outro problema, é que a situação para os mototaxistas pode piorar ainda mais, caso aconteça a derrubada do veto pois, o advogado do Sindicato dos Taxistas, Dr. Eugênio Kneip Ramos, já sinalizou em audiência pública, ocorrida no dia 30 de abril para tratar sobre o tema, que caso o projeto fosse aprovado, os taxistas pretendem entrar com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIn).

O projeto foi aprovado no dia 1º de setembro por 14 votos e apenas 1 contrário, do vereador Fernando do Amaral. O vereador Serafim Spíndola votou favorável mas deixou claro que no entendimento dele a iniciativa partindo do Legislativo e não do Executivo, seria ilegal.

Um dos motivos alegados pelo Executivo para vetar o projeto, além do vício de iniciativa, é que primeiramente precisa resolver a questão da licitação dos transportes públicos, como táxis e empresas de ônibus coletivo.

Caso o veto seja mantido, resta a esperança para os profissionais da área, que no ano que vem, o projeto possa voltar, desta vez, oriundo do Executivo.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Farmácias de Plantão em Cataguases
27 Domingo
28 Segunda
29 Terça
30 Quarta
01 Quinta
02 Sexta
03 Sábado
Droga Minas Coimbra Econômica
Pague Menos Aeropharma Drogaria da vila