quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Produção de água é tema de seminário para moradores de Ubá Pequeno

O Secretário Aldeir Ferraz falou sobre as ações desenvolvidas por sua Pasta.
O Secretário do Ambiente e Mobilidade Urbana da Prefeitura de Ubá, Aldeir Ferraz e o assessor técnico ambiental, Paulo Sérgio da Costa participaram de um seminário sobre produção de água e preservação de nascentes no dia 22 de Outubro, evento que aconteceu no salão comunitário da comunidade de Ubá Pequeno, realizado através de uma parceria entre o Núcleo de Educação Sócio Ambiental da Universidade do Estado de Minas Gerais, UEMG, a Empresa Mineira de Agricultura e Extensão Rural EMATER, Prefeitura de Ubá, Câmara Municipal de Ubá, Associação dos Moradores da comunidade de Ubá Pequeno e diversas empresas locais.

O seminário teve como tema, “Água – conhecer para cuidar” com foco na preservação de nascentes e a produção de água em palestra proferida pelo professor Marcelo Caio Libânio Teixeira, da EMATER da cidade de Viçosa.

O Secretário Aldeir e o Assessor Paulo apresentaram algumas ações desenvolvidas pela Secretaria do Ambiente e Mobilidade Urbana, como o mapeamento e cercamento de minas e nascentes, o plantio de árvores nativas, criação de espaços de plantio de árvores denominados bosques urbanos, dentre outros. Falando aos presentes, Aldeir destacou a importância da participação dos proprietários de imóveis na região de Ubá Pequeno no processo de proteção de minas e nascentes para garantir a produção de água na região, responsável pelo abastecimento de uma das estações de tratamento da cidade de Ubá, e colocou os serviços da Secretaria do Ambiente e Mobilidade Urbana à disposição para diagnosticar, mapear, cercar e proteger minas e nascentes no local.

Rosângela Maria Machado de Freitas, extensionista da EMATER falou: “este evento acontece como uma oportunidade de concretizar ações com relação à proteção de nascentes e produção de água, e esta é grande necessidade que as comunidades estão vivendo, pois a água está ficando escassa e o produtor sente a necessidade de desenvolver ações para que ele possa transformar esta realidade.”

A professora Viviane Modesto, da UEMG, também falou: “nossa participação aqui está ligada principalmente a este momento que estamos vivendo, com a escassez da água e estamos buscando conscientizar todas as pessoas sobre a importância dela para todos.”

O professor Marcelo Libânio falou sobre a
importância do cercamento e preservação de
nascentes e também sobre a produção de

aquíferos.
O palestrante e professor Marcelo Caio Libânio Teixeira, da EMATER de Viçosa também comentou: “as informações que trouxemos devem ser transformadas numa mobilização social onde os produtores devem inicialmente fazer o cadastro ambiental rural, planejar as propriedades com infra-estrutura para recarga de aquíferos e recuperação de nascentes, principalmente, pois como vimos na apresentação, isto é perfeitamente possível.”

A moradora Ana Lúcia Moreira da Silva, que participou do levantamento e mapeamento das propriedades que possuem nascentes juntamente com a EMATER, disse: “há casos em que os produtores não estão preocupados com a produção de água e a grande maioria não conhece o tema da importância da preservação. Com a falta de água que está acontecendo em Ubá todos estão vendo a necessidade de fazer alguma coisa e estão despertando o interesse. Eles precisam de apoio porque estão vendo que a água deles também pode acabar, daí a preocupação de todos em preservar as nascentes e proteger.”

Fonte: Assessoria de Comunicação da PMU

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Whatsapp Mídia Mineira
Farmácias de Plantão em Cataguases
08 - Domingo 09 - Segunda 10 - Terça 11 - Quarta 12 - Quinta 13 - Sexta 14 - Sábado
N. Sra. Aparecida Brasil Sta Tereza Econômica II Atlas Sta Rita Dose Certa
Campinho São Mateus Silveira II Silveira (vila) Vasconcelos Saúde e vida Drogasil