sábado, 28 de novembro de 2015

Cenário desanimador: Dólar pode chegar a R$ 5 em 2017 e PIB cair 3,6% ainda este ano

A equipe econômica do banco Credit Suisse (CS) apresentou ontem (26), a seus clientes, um relatório chamado “Brasil em Números”. O documento é um amplo painel com as expectativas para os próximos anos e esboça um cenário pouco animador que deve durar até 2017.

Os economistas preveem uma queda do PIB de 3,6% para este ano e para 2016 não deve ser diferente. A redução prevista para o ano que vem deve ser de 3,5% e 0,5% em 2017. Como em 2015, o declínio do PIB em 2016 será devido à contração global da demanda interna, com uma acentuada redução nos investimentos e no consumo das famílias, segundo matéria publicada hoje (27) no jornal Valor Econômico.

Além disso, a queda de 12,6% dos investimentos prevista para 2016 vai continuar refletindo a elevada incerteza na economia, a baixa confiança dos investidores, as condições desfavoráveis do mercado de crédito, a menor demanda doméstica e a redução dos investimentos públicos.

O Credit Suisse prevê, ainda, a redução de 4,7% do salário real em 2016, e de 1,5% em 2017. A taxa de desemprego, segundo o banco suíço, deve atingir 8,3% neste ano, 11,2% no ano que vem e 12,6% em 2017. Ainda segundo o relatório, o real continuará desvalorizado e deve fechar este ano a R$ 4, chegar a R$ 4,70 no ano que vem e terminar 2017 a impressionantes R$ 5.

Além disso, haverá uma redução da inflação de serviços de 8,1% em 2015 para 7,4% em 2016, enquanto a inflação dos preços controlados pelo governo (como gasolina e conta de luz) deve desacelerar de alta de 18,2% para 10,9% no período, como resultado do menor aumento das tarifas de energia elétrica, tarifas de transportes públicos e de taxas de água e esgoto.

Fonte: www.psdb.org.br

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Whatsapp Mídia Mineira
Farmácias de Plantão em Cataguases
03 - Domingo 04 - Segunda 05 - Terça 06 - Quarta 07 - Quinta 08 - Sexta 09 - Sábado
Econômica III Droga Minas Coimbra Econômica FarmaCenter Cataguases II Droganova
Vasconcelos Pague Menos Aeropharma Drogaria da Vila N. Sra. Rosário Silveira Farmanossa