sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Jovem mata padastro em Carangola com arma construída a partir de vídeos da internet

Um adolescente de 17 anos matou o padrasto com um tiro no peito, na zona rural da cidade de Carangola, na tarde desta quinta-feira (7). O fato teria ocorrido durante uma briga entre os dois e a arma usada foi fabricada pelo próprio menor, que foi apreendido pela Polícia Militar (PM) e trazido para a delegacia de plantão em Muriaé, já durante a madrugada.

Conforme relatado no Boletim de Ocorrência (BO) da PM, a mãe do autor e esposa da vítima, que se chamava José Carlos Silva da Rocha, ligou para o 190 e informou aos policiais sobre o ocorrido. Os militares foram até a localidade de Córrego do São Bento, na zona rural e encontraram o adolescente que não fugiu do local e confessou o assassinato.

Segundo o BO, o menor voltava da lavoura, quando durante uma discussão xingou seu irmão mais novo e foi reprendido pelo padrasto, iniciando uma forte discussão entre os dois.

Durante a briga José Carlos teria expulsado o enteado de casa e o ameaçado caso ele voltasse ao imóvel, mas o rapaz afirmou que não deixaria a residência. Segundo a PM, o adolescente contou que neste momento, a vítima pegou um pedaço de pau e foi pra cima dele, sendo contido pela mãe, e ao dizer novamente que não sairia de casa, o padrasto se apoderou de uma enxada e correu atrás do menor.

O jovem disse que em seguida pegou a arma, que estava escondida no mato, próximo à casa de sua tia e que apontou para José Carlos, que não parou.  O enteado alegou que ainda pediu para o padrasto ir embora, pois não queria atirar, mas ele não atendeu e o jovem atirou, acertando o peito da vítima, que ainda caminhou por cerca de 100 metros até cair.

Uma equipe do SAMU foi chamada e encontrou José Carlos já sem vida, sendo acionada também, a perícia da Polícia Civil de Muriaé, que realizou os trabalhos técnicos e liberou o corpo para encaminhamento ao IML.

O adolescente ainda teria dito a PM que “fez” a arma a partir de vídeos assistidos pela Internet.

A avó materna do autor informou aos militares que os atritos entre o jovem e o padrasto eram frequentes desde quando o homem começou a relacionar com a mãe do rapaz.

O jovem foi apresentado à Polícia Civil e encontra-se a disposição da justiça.

Fonte e foto: Rádio Muriaé

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Whatsapp Mídia Mineira
Farmácias de Plantão em Cataguases
03 - Domingo 04 - Segunda 05 - Terça 06 - Quarta 07 - Quinta 08 - Sexta 09 - Sábado
Econômica III Droga Minas Coimbra Econômica FarmaCenter Cataguases II Droganova
Vasconcelos Pague Menos Aeropharma Drogaria da Vila N. Sra. Rosário Silveira Farmanossa