quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Câmara de Cataguases retorna do recesso com homenagens a Tarcísio Henriques e um projeto aprovado





A Câmara de Cataguases retornou na noite desta terça-feira (2) aos trabalhos legislativos do ano com dois projetos na pauta.

No início da sessão, foi lida a mensagem de veto total do prefeito Cesinha Samor, relativo ao projeto nº 3/2015, do vereador José Augusto Guerreiro Titoneli que previa a colocação de câmeras nos pontos finais de ônibus de Cataguases.

Conforme matéria anterior, o vereador Geraldo Majella Mazini, deu entrada em vários projetos para melhorar o andamento das sessões do Legislativo.

Walmir Linhares deu entrada em projeto para nomear logradouro com o nome do Dr. Tarcísio Humberto Parreiras Henriques.

O vereador Serafim Spíndola solicitou a Coordenadora do Legislativo que relacione os projetos de nomeação de rua deste ano, por vereador, para que a Lei do vereador Geraldo Majella, que determina que cada vereador pode nomear 3 logradouros ou próprios públicos por ano, seja cumprida. Majella ainda esclareceu que o vereador pode passar dos 3 nomes outro vereador o autorizar a utilizar sua cota.

O vereador Fernando Pacheco Fialho, realizou requerimento em regime de urgência, solicitando o classificador financeiro da Prefeitura de Cataguases, para melhor acompanhar a dívida do Executivo. "Nós vimos esta administração virar um ano com R$ 4 milhões, depois 12 milhões, agora já passa dos R$ 18 milhões, se não vier outro número complementar, então, eu não vou ficar omisso e conivente, no papel de vereador, não acompanhando o desfecho deste ano, porque ai sim, se este ano ele deixar dívidas, é crime de improbidade e eu quero alertá-lo, para dizer que nós fizemos o nosso papel, alertando" disse o vereador. O requerimento foi aprovado por unanimidade.

Dos projetos previstos na pauta, o de número 39/2014 do vereador José Augusto Guerreiro Titoneli que denomina logradouro público do Município de Cataguases de Geraldo Rafael Angelo, teve pedido de retirada da pauta pelo propositou e por este motivo, não foi votado.

Já o projeto número 112/2015 do vereador João Manoelino da Silva Bolina, que dispõe sobre denominação de Parque de Exposição Comunitária e Agropecuária Dr. Lydio de Almeida Lacerda no distrito de Aracati de Minas no Município de Cataguases, foi aprovado por unanimidade com 13 votos e duas ausências. 

No grande expediente, o vereador Fernando Pacheco Fialho, usou a tribuna para homenagear o Dr. Tarcísio Henriques, o vereador Serafim Couto Spíndola, também homenageou o ex-prefeito e pediu aos vereadores para que trancassem a pauta em relação aos projetos do Executivo caso o mesmo atrase com os salários dos servidores e o vereador Walmir linhares, a exemplo dos dois antecessores, falou de Dr. Tarcísio, da política e da necessidade de Cataguases ter um representante na Assembléia Legislativa de Minas.


Farmácias de Plantão em Cataguases
27 Domingo
28 Segunda
29 Terça
30 Quarta
01 Quinta
02 Sexta
03 Sábado
Droga Minas Coimbra Econômica
Pague Menos Aeropharma Drogaria da vila