terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Câmara retorna as sessões ordinárias com seis projetos do vereador Majella

As sessões ordinárias da Câmara Municipal de Cataguases, recomeçam nesta terça-feira (16) com 6 projetos do vereador Geraldo Majella Mazini. 

O primeiro, de nº 14/2015, visa alterar a redação do item VI, alínea f, do Artigo 25 das atribuições do presidente da Câmara Municipal de Cataguases, para que o presidente passe a dar ciência de 3 pautas aos vereadores com antecedência. 

O segundo, trata-se de uma complementação do primeiro e pretende acabar com os pedidos de vista durante as sessões alterando com a inclusão de parágrafos o Artigo 2015 do Regimento Interno da Câmara. Se aprovado, o vereador deverá pedir vistas aos projetos com antecedência, dai o motivo das pautas serem também colocadas com antecedência.

O terceiro, de número 01/2016, diminui o tempo de uso da palavra de 15 para 5 minutos, para discussão de projetos, requerimentos, redação final, moções, exposição de assuntos relevantes pelos líderes das bancadas ou blocos partidários e encaminhamento de votação; de 5 minutos para 3 minutos a questão de ordem e apartes e mantém o tempo da tribuna livre em 10 minutos e apresentação de requerimentos de retificação ou invalidação de Ata em 1 minuto. O tempo poderá ser acrescido de mais 2 minutos por solicitação e determinação da presidência.

O Projeto de número 02/2016, altera com inclusão de inciso X o Artigo 166 do Regimento Interno e regula o recebimento das proposições pelo presidente.

O de número 03/2016 modifica a forma de redação final dos Projetos de Lei que passa a ter a possibilidade de adendos ao texto da redação final de projetos desde que não comprometa a redação e e objetivo fim da proposição. Tanto os adendos quanto emendas a redação final, só serão admitidos para qualificar a redação, evitar a incorreção de linguagem ou contradição evidente.

Por fim, o de número 04/2016 altera o Artigo 264 do Regimento Interno e regulamenta o uso da Tribuna Livre, passando a obrigar a solicitação com antecedência de no mínimo 24 horas e a comunicação do agendamento por escrito a pessoa interessada e a obrigatoriedade, em caso de indeferimento do presidente, a justificativa por escrito com os motivos de sua decisão, cabendo recurso a Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR).

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Farmácias de Plantão em Cataguases
27 Domingo
28 Segunda
29 Terça
30 Quarta
01 Quinta
02 Sexta
03 Sábado
Droga Minas Coimbra Econômica
Pague Menos Aeropharma Drogaria da vila