segunda-feira, 7 de março de 2016

Cataguases: “Gostaria que o prefeito cuidasse da saúde como faz com o carnaval!” diz vereador Michelângelo após denuncia ao MP



O vereador Michelangelo de Melo Correa protocolou - nesta quinta-feira (3) - denuncia ao Ministério Público contra a Prefeitura Municipal de Cataguases por não disponibilizar nos postos de saúde, curativos e pequenas incisões que antes eram realizadas no Pronto Socorro Municipal e agora faz parte da incumbência das Unidades Básicas de Saúde (UBS) de cada bairro.

Conforme a denuncia, que o Site Mídia Mineira teve acesso em primeira mão, é rotina a reclamação de munícipes ao vereador, desde que foi celebrado o convênio para que o Hospital assumisse o Pronto Socorro e esta função passou para as UBS's dos bairros, pois antes, havia o acolhimento no Pronto Socorro Municipal, nos finais de semanas e feriados, no período de 7 às 13 horas em forma de plantão para atender a população, o que não ocorre mais. Atualmente, conforme o documento, a população desassistida, precisa ir toda sexta-feira nos postos para receberem o material para que elas mesmas realizem os curativos nos finais de semanas, no entanto, não é raro as vezes em que os postos não possuem tais materiais e os pacientes acabam tendo de recorrer as farmácias ou utilizando os serviços do Pronto Socorro Municipal no Hospital de Cataguases que deveria ser usado apenas em caso de urgência ou emergência.

Na peça, o vereador considera que a não disponibilização por parte do Executivo de plantão para garantir os direitos dos munícipes pode configurar inclusive ato de improbidade administrativa e pede por parte do Ministério Público providências.

Em entrevista para o Site Mídia Mineira, o vereador Michelângelo, disse que já esgotou todas as tentativas de conciliação com o Executivo, pois já realizou várias indicações a respeito e que por esse motivo resolveu tomar a decisão de levar ao Ministério Público para que o Município possa ter um local adequado que atenda estas pessoas. “A saúde no último ano gastou quarenta milhões de reais, mas e ai? Eu não vejo o dinheiro, está faltando gaze, que é o básico para realizar esse tipo de curativo, é lamentável. Eu gostaria que o prefeito municipal cuidasse da saúde como ele faz com o carnaval!” finalizou.

O site Mídia Mineira - a convite do vereador - acompanhou visitas realizadas a alguns pacientes para verificar a situação. Confira no vídeo abaixo:

Farmácias de Plantão em Cataguases
04 Domingo
05 Segunda
06 Terça
07 Quarta
08 Quinta
09 Sexta
10 Sábado
FarmaCenter São Geraldo Droganova São Francisco N. Sra. Aparecida Brasil Sta Tereza
N. Sra Rosário Silveira Farmanossa Cataguases Campinho São Mateus Silveira II