sábado, 12 de março de 2016

Minas Gerais registrou 4 ocorrências de roubo/furto a cada 5 minutos em 2015

Dados divulgados pela Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), esta semana, apontam que Minas Gerais registrou no ano passado 113.500 roubos consumados, quando se subtrai algo por meio de violência ou de grave ameaça. Este número, representa um aumento de 22,15%, em relação aos 92.915 casos do ano anterior e corresponde a quase 311 roubos por dia.

A taxa de roubos por 100 mil habitantes (medida pelo número de registros em relação ao tamanho da população), atingiu 543,87 para uma população pelo IBGE em 20.869.101 habitantes. Em 2014, a taxa foi de 448,13. Os municípios de Uberlândia e Poços de Caldas registraram queda nas ocorrências.

Belo Horizonte, continua sendo a principal cidade com 42.109 registros (aumento de 22,43%) , o que corresponde a 37,1% do total no Estado.

Principais municípios

A ampla maioria dos municípios com histórico de índices expressivos de criminalidade teve alta nos registros de roubos consumados em 2015, frente a 2014. Destacaram-se:

  • Contagem, 12.594 a 10.355 (+21,62%); 
  • Betim, 6.043 a 5.086 (18,82%); 
  • Uberaba, 3.530 a 3.172 (+11,29%); 
  • Montes Claros, 3.048 a 2.182 (+39,69%); 
  • Sete Lagoas, 2.960 a 2.179 (+35,84%); 
  • Divinópolis, 2.006 a 1.707 (+17,52%); 
  • Ribeirão das Neves, 1.999 a 1.192 (+67,70%); 
  • Juiz de Fora, 1.636 a 1.355 (+20,74%); 
  • Santa Luzia, 1.534 a 972 (+57,82%); 
  • Ipatinga, 1.240 a 935 (+32,62%); 
  • Governador Valadares, 898 a 726 (+32,62%); e 
  • Varginha, 175 a 106 (+65,09%).

Tiveram queda nas ocorrências Uberlândia, 3.657 a 4.144 (-11,75%) e Poços de Caldas, 180 a 320 (-43,75%). Nova Serrana ficou perto da estabilidade: 1.050 a 1.067 (-1,59%).

Ranking

A lista dos municípios com maior incidência de roubos em 2015, medida pelo número de registros em relação ao tamanho da população (taxa por 100 mil habitantes) é liderada por Contagem, com índice de 1.941,72, à frente, inclusive, de Belo Horizonte. Em ordem decrescente, Betim, 1.448,09; Sete Lagoas, 1.275,27; Nova Serrana, 1.168,50; Uberaba, 1.095,84; Divinópolis, 868,97; Montes Claros, 772,92; Santa Luzia, 709,35; Ribeirão das Neves, 619,54; Uberlândia, 522,12; Ipatinga, 481,84; Governador Valadares, 322,60; Juiz de Fora, 294,62; Varginha, 132,22, e Poços de Caldas, 109,97.

Furtos

O furto consumado (quando subtrai algo sem violência), teve alta de 1,64% no Estado em 2015. Foram 311.702 registros, contra 306.682 em 2014.

O total de roubo/furto, ficou em 425.202, o que corresponde a mais de 48 crimes destas naturezas por hora ou 4 crimes a cada 5 minutos.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Farmácias de Plantão em Cataguases
27 Domingo
28 Segunda
29 Terça
30 Quarta
01 Quinta
02 Sexta
03 Sábado
Droga Minas Coimbra Econômica
Pague Menos Aeropharma Drogaria da vila