quarta-feira, 6 de abril de 2016

Cataguases: Superintendente Regional de Saúde de Juiz de Fora explica na Câmara o modelo de Cogestão que será implantado na Macro Sudeste

O Superintendente Regional de Saúde de Juiz de Fora, Oleg Abramov Junior, compareceu na sessão ordinária da Câmara Municipal de Cataguases, atendendo ao requerimento do vereador Walmir Linhares e intermediação do vereador Geraldo Majella Mazini, com o objetivo de apresentar a nova política de regulação de leitos hospitalares da região de saúde da Macroregião Sudeste, que abrange 94 municípios com aproximadamente 1,6 milhão de habitantes, além de esclarecer pontos relativos a Rede de Urgência e Emergência.

O superintendente iniciou explicando que a Rede de Urgência e Emergência (RUE), é composta pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), ambulâncias, componentes móveis, Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e Hospitais que são organizados em 4 níveis, de I (mais complexo) a IV (mais simples, como sala de estabilização). Para que os hospitais garantam financiamento federal, é necessário que sejam aprovados e tenham o credenciamento publicado, como: Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), Acidente Vascular Cerebral (AVC), Neurocirurgia e Traumato Ortopedia. No entanto, um dos problemas levantados pelo superintendente, é que na região, a Urgência e Emergência foi implantada antes de alguns hospitais obter o credenciamento. Este seria um dos motivos para a não obtenção rápida de vagas em alguns casos, como da Traumato Ortopedia, sendo realizado de forma precária.

Além de levantar os problemas e explanar sobre o funcionamento da rede, o Sr. Abramov apresentou o novo plano para melhorar a regulação de vagas no sistema, denominado de "Cogestão" o que significa o funcionamento integrado das centrais de regulação, ou seja, os médicos reguladores estaduais e municipais, trabalharão na mesma sala, regulando todas as demandas da região de maneira cooperativa, pois hoje, conforme explicou, os médicos de regulação da macrorregião, conseguem olhar as vagas em 93 dos 94 municípios mas não conseguem olhar o município de Juiz de Fora, que além de ter o credenciamento em 90% das especialidades de alta complexidade, que funciona através de outra regulação.

O projeto de Cogestão, visa solucionar diversos problemas, unificando as Centrais de Regulação, no mesmo espaço, com padronização dos procedimentos, a contratação de um Gestor de contratos para acompanhar a rotina e a utilização dos leitos contratados pelo SUS e a criação de um Comitê de Regulação Regional para avaliação das dificuldades cotidianas encontradas no acesso do usuário aos leitos do SUS.

Por fim, o superintendente, respondeu alguns questionamentos dos vereadores, como do vereador Serafim Couto Spíndola, que defendeu a judicialização da Saúde, uma vez que o SUS, segundo ele, ainda não consegue atender a população com rapidez. "Infeliz do pobre, daquele que não tem condição, se não pudesse contar com o judiciário.[...] Nós presenciamos e não foi uma só vez, cidadãos morrendo a míngua e não tendo a quem recorrer. Ai bate, como a última trincheira do pobre, ao poder judiciário pra fazer valer o seu direito" disse Serafim. O vereador Fernando Pacheco, também concordou e lembrou que se hoje os pacientes com Aids, tem medicamentos, porque lá atrás aconteceu uma judicialização para que o governo pudesse se adequar. Segundo ele, a judicialização acaba ajudando o Estado a melhorar o SUS. Conforme o superintendente, após o sistema de Cogestão implantado, a tendência seria diminuir a judicialização da Saúde, com a melhoria do atendimento.

O vereador Walmir Linhares, autor da proposição, pediu ao superintendente, maior atenção em relação ao atendimento do SUS em Cataguases, a implantação de neurocirurgia e UTI Neonatal, bem como a destinação de mais uma ambulância do SAMU para o Município, a fim de atender a demanda local.

A sessão também contou com a participação do Dr. Pedro César, diretor da Gerência Regional de Saúde (GRS) em Leopoldina.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Farmácias de Plantão em Cataguases
27 Domingo
28 Segunda
29 Terça
30 Quarta
01 Quinta
02 Sexta
03 Sábado
Droga Minas Coimbra Econômica
Pague Menos Aeropharma Drogaria da vila