segunda-feira, 16 de maio de 2016

Tour da Tocha chega ao último dia de revezamento em Minas Gerais nesta segunda-feira (16/5)

Comboio olímpico vai visitar os municípios de Bicas, Leopoldina e Muriaé. Em seguida, caravana parte para o litoral brasileiro

O último dia do revezamento olímpico em território mineiro vai visitar três cidades da Zona da Mata: Bicas, Leopoldina e Muriaé. A região é o local indicado para quem quer levar uma vida saudável e sustentável. Cercados de verde por todos os lados, os municípios apresentam um dos melhores índices de qualidade de vida do estado. Ao longo da cadeia montanhosa da Serra da Mantiqueira, que assume diferentes topônimos em toda a sua extensão, existem preciosas unidades de conservação - um alento para quem vive nas cidades e pode desfrutar das maravilhas da natureza.

Bem-estar humano

A natureza exuberante da Zona da Mata é um dos principais indutores da qualidade de vida da população local que, fora o dia a dia dos centros urbanos, vive em meio a serras, vales, chapadas, encostas, cachoeiras, corredeiras, grutas, picos e rica biodiversidade. Um mundo saudável e sustentável.

No Circuito Turístico Caminhos Verdes de Minas o visitante pode vivenciar um pouco deste clima bucólico, cavalgar por entre trilhas, visitar igrejas e fazendas centenárias. Marcado pela tradição religiosa, exposições agropecuárias e festas populares, o circuito abrange nove municípios da região, entre eles Bicas.

Já o Parque Estadual da Serra do Brigadeiro é considerado um paraíso botânico. O ecossistema é abundante em espécies vegetais (bromélia, peroba, ipê, jequitibá, orquídea, entre outras) e refúgio de animais ameaçados de extinção, como a jaguatirica. O parque abrange 11 municípios, entre elas Muriaé.

Maravilhas da Mata

Em meio a tantos encantos naturais, fica difícil elencar os mais belos. Porém, alguns saltam aos olhos por razões muito específicas e fascinantes, como o Pico do Itajuru, ponto mais alto de Muriaé, a 1.580 metros de altitude. O parque local possui cachoeiras, corredeiras e nascentes ideais para banhos e trekking. Ainda em Muriaé, na Serra de Pirapanema, está a rampa de voo livre apropriada para saltos de parapente.

Fé e tradição

Em Leopoldina, o Festival de Folia de Reis tornou-se tradição. A festa, que existe desde 1983, tem o objetivo de fortalecer a cultura popular por meio dos grupos de folias que se reúnem na cidade. A Catedral de São Sebastião, o Conservatório Lia Salgado, o Festival de Viola e Gastronomia de Piacatuba e o Motorok são outras atrações da cidade, cujo nome homenageia uma das filhas de Pedro II.

No município de Bicas, por sua vez, fé e natureza caminham juntas. Todos os anos, o Santuário de Nossa Senhora da Água Santa atrai uma grande quantidade de visitantes por ser conhecido como um local de cura.

Polo de moda e audiovisual

Em Muriaé está Polo da Moda, que comercializa roupas e acessórios em todo mercado nacional e até internacional. O polo abrange mais cinco municípios (Eugenópolis, Patrocínio do Muriaé, Laranjal, Recreio e Miraí) e produz peças de moda esportiva, feminina, masculina, infantil, íntima, praia, dentre outras.

Com atuação nos municípios de Leopoldina, Muriaé e Cataguases, o Polo Audiovisual Zona da Mata já produziu longas e curtas metragens, videoclipes, web séries, documentários e animação. O movimento é voltado para o fomento da economia criativa como novo vetor de desenvolvimento sustentável da região e teve como marco a inauguração do Centro Cultural Humberto Mauro em Cataguases, em 2002.

Agência Minas

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Farmácias de Plantão em Cataguases
27 Domingo
28 Segunda
29 Terça
30 Quarta
01 Quinta
02 Sexta
03 Sábado
Droga Minas Coimbra Econômica
Pague Menos Aeropharma Drogaria da vila