domingo, 16 de outubro de 2016

Horário de verão começou e Energisa dá dicas de atitudes simples que podem gerar economia de energia durante todo o ano

O Horário de Verão brasileiro 2016/2017 começou neste domingo, 16 de outubro. À meia-noite de sábado (15), o relógio foi adiantado em uma hora nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

O horário de verão, que vai até o dia 19 de fevereiro de 2017, visa proporcionar economia de energia, aproveitando o maior tempo de incidência da luz do sol, já que o sol vai se por mais tarde, reduzindo a demanda por energia no período mais crítico do dia, conhecido como horário de pico, que é entre 18h e 21h.

De acordo com o Ministério de Minas e Energia, nos últimos dez anos, a medida tem possibilitado uma redução média de 4,5% na demanda por energia no horário de maior consumo e uma economia absoluta de 0,5%, o que equivale, em todo o período do Horário de Verão,  aproximadamente ao consumo mensal de energia da cidade de Brasília, com 2,8 milhões de habitantes. A estimativa de ganhos com o Horário de Verão é de R$ 147,5 milhões, que representa o custo evitado em despacho de usinas térmicas por questões de segurança elétrica e atendimento à ponta de carga no período de vigência do Horário de Verão.

Conforme explica o gerente do Departamento de Operação (DEOP), Fabio Lancelotti, “o horário de verão possibilita uma redução na demanda de energia no horário de ponta, resultando em menor carregamento nas linhas de transmissão durante esse período, considerado mais crítico. A forma utilizada para conseguir essa redução é a melhor utilização da luz natural ao longo do dia”.

Vale lembrar que o consumidor normalmente não percebe a redução de consumo na conta de energia, pois há mudança dos hábitos comportamentais. Por exemplo, deixam de utilizar o chuveiro na posição inverno que gasta mais energia, mas passam a utilizar o ventilador ou o ar condicionado.

Abaixo algumas dicas da Energisa de uso mais eficiente da energia:
  • abra as janelas e aproveite a luz natural do ambiente;
  • prefira cores claras nas paredes, que ajudam a refletir melhor a luz;
  • ligue o ar-condicionado só quando for realmente necessário e mantenha o ambiente fechado quando o aparelho estiver ligado;
  • limpe os filtros do ar condicionado periodicamente, pois sujos, eles impedem a circulação livre de ar, aumentando o consumo de energia;
  • use o ferro somente quando for passar bastante roupa;
  • evite abrir a geladeira a toda hora. O ar quente do verão entra no eletrodoméstico e faz o motor funcionar mais para manter os alimentos resfriados;
  • prefira os equipamentos com o Selo Procel, que indica quais são os modelos que consomem menos energia;
  • prefira lâmpadas do tipo LED ou fluorescente, que são mais econômicas;
  • não deixe a luz acesa em cômodos onde não há pessoas;
  • evite deixar aparelhos eletrônicos em stand-by, que mesmo desligados consomem energia;
  • os ventiladores de pé são mais econômicos que os de teto, podendo reduzir em até 13,2 kWh o consumo de energia ao mês;
  • evite utilizar equipamentos que consomem mais energia, como chuveiro elétrico, nos horários de pico;
  • aproveite as altas temperaturas e regule o chuveiro na posição verão, o que reduz em cerca de 30% em relação à posição inverno. Além disso, evite banhos longos; e
  • desligue os equipamentos eletrônicos quando não estiverem em uso.
Fonte: Assessoria de Comunicação Energisa

Farmácias de Plantão em Cataguases
04 Domingo
05 Segunda
06 Terça
07 Quarta
08 Quinta
09 Sexta
10 Sábado
FarmaCenter São Geraldo Droganova São Francisco N. Sra. Aparecida Brasil Sta Tereza
N. Sra Rosário Silveira Farmanossa Cataguases Campinho São Mateus Silveira II