sábado, 18 de fevereiro de 2017

Prefeitura de Cataguases se pronuncia sobre o assalto seguido de estupro nesta madrugada de sábado

A Prefeitura Municipal de Cataguases publicou nota em sua página no Facebook sobre o ocorrido na madrugada deste sábado na Ponte Metálica onde uma mulher de 40 anos foi assaltada e violentada.

Confira abaixo a nota da prefeitura na íntegra:

"Sobre a situação ocorrida na madrugada de hoje, assalto e estupro de uma mulher debaixo da ponte metálica, a administração municipal comunica que já se reuniu com a Polícia Militar e a Polícia Civil para discutirem sobre a segurança pública em nossa cidade. Ambas as instituições são de responsabilidade do governo do Estado de Minas Gerais, mas mesmo assim o município colabora com elas fornecendo combustível, materiais de escritório, equipamentos de informática, pneus, etc, para a PM e profissionais para o setor administrativo da Polícia Civil. E, nesse mês, inclusive, já direcionou além do valor estimado pela PM em combustível para que intensifiquem seu trabalho de prevenção e atuação no Carnaval.

Infelizmente, a realidade encontrada pela atual gestão foi de um efetivo em ambas as instituições muito menor do que o necessário para garantir a segurança da nossa população. A administração municipal, infelizmente, não tem o poder de trazer mais policiais para trabalhar aqui, cabendo ao governo do Estado aumentar o efetivo. Em cidades próximas a nós, como Ubá, o número é muito maior do que em Cataguases. Quanto a isso, em conjunto com a Câmara Municipal, encaminharemos pedido oficialmente ao governo estadual para que transfiram mais policiais para Cataguases. Nesse sentido, é necessário que unamos nossas forças e mobilizemos o maior número de lideranças, solicitando esse aumento para nossa cidade, para que o governador se sensibilize com nossa situação.

Outro fato narrado pelos representantes da PM, é que suas viaturas, além de serem poucas, estão em péssimas condições. Não estão recebendo recursos para manutenção, muito menos veículos novos. Sobre isso, também já estamos fechando uma parceria com o major Willian para colaborarmos nos serviços de reparos dos veículos. Porém, é muito importante que o governo do Estado encaminhe mais viaturas, possibilitando melhor atuação da Polícia Militar em nossa cidade. 

Além disso, sabemos da importância da iluminação pública adequada para a segurança e já realizamos várias reuniões com a Energisa Soluções, empresa contratada pelo município para exercer o serviço de manutenção da iluminação pública, para que resolvamos definitivamente a questão, uma vez que, ao assumir, a nova gestão municipal encontrou a cidade com inúmeros casos de lâmpadas queimadas. A partir de agora, realizamos o controle dos atendimentos e notificações encaminhadas a empresa a fim de fiscalizarmos e termos em breve excelência no serviço prestado.

O número de pessoas morando nas ruas em Cataguases aumentou muito nos últimos anos. Relevante mencionar que, de acordo com a secretária de Assistência Social, Mirilane Licazali, está no planejamento da Secretaria o serviço de abordagem social, em parceria com a Polícia Militar, quanto a situação dos moradores de rua e já retiraram três na última semana do município. Ela explica que será realizada uma visita ao local junto com a PM para verificar a situação dos que ali se encontram, se estão cometendo atos ilícitos e o que pode ser feito. 

Necessário explicar que existem tipos diversos de pessoas morando nas ruas: 1- as pessoas em situação de rua, que estão nas ruas por carência material, rompimento de vínculos familiares; 2- os marginalizados, usuários de drogas, que precisam de atuação das instituições de segurança pública e do poder judiciário para serem contidos e serem resolvidas as situações em que se encontram e os atos ilícitos que comentem; e por fim, 3- os migrantes, ou seja, pessoas que passam pelo município, pernoitam no albergue e vão embora no outro dia. Nos casos em que é possível a atuação da administração municipal, ela será intensificada e todas as ações serão tomadas. 

Lamentamos o ocorrido e reafirmamos que tudo o que couber à administração municipal fazer, que for de sua competência, no sentido de garantir maior segurança à nossa população, será feito."

Leia Também:
Mulher é assaltada e estuprada em Cataguases

2 comentários :

  1. Eu gostaria de saber se o Município tem convênio com o Estado para transferir para a PM o direito de multar motoristas. Se sim, favor divulgar o documento.

    ResponderExcluir
  2. Bem, quanto maior a população do município, maior o efetivo. Como Ubá tem uma população de 38 mil pessoas a mais que Cataguases, obviamente o efetivo é maior (considerando a estimativa do ano passado), porém isto não coloca Ubá como "mais seguro" pois aqui o contingente não é suficiente para monitorar uma cidade com mais de 100 km de área urbana e em crescimento desordenado.

    ResponderExcluir

Whatsapp Mídia Mineira
Farmácias de Plantão em Cataguases
03 - Domingo 04 - Segunda 05 - Terça 06 - Quarta 07 - Quinta 08 - Sexta 09 - Sábado
Econômica III Droga Minas Coimbra Econômica FarmaCenter Cataguases II Droganova
Vasconcelos Pague Menos Aeropharma Drogaria da Vila N. Sra. Rosário Silveira Farmanossa