-->

quinta-feira, 18 de maio de 2017

Polícia Federal cumpre mandados e prende irmã e primo de Aécio Neves e assessor de Perrela

Agentes da Polícia Federal estão, nesta quinta-feira (18), cumprindo mandados de busca e apreensão nos gabinetes dos senadores Aécio Neves (PSDB-MG), Zezé Perrela (PMDB-MG) e do deputado Rocha Loures (PMDB-PR). Os agentes chegaram em seis carros e, o acesso ao Anexo 1 do Congresso Nacional ficou restrito.

Andrea Neves, irmã e assessora do senador Aécio Neves (PSDB-MG), foi presa por agentes da Polícia Federal e do Ministério Público Federal na manhã desta quinta-feira (18) na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Um primo de Aécio, Frederico Pacheco de Medeiros, o Fred, também foi preso preventivamente pela Polícia Federal. Ele teria sido filmado recebendo R$ 2 milhões de propina.

Outro preso foi Menderson Souza Lima, assessor do senador Zezé Perrela (PMDB-MG). Ele também foi citado na delação de Joesley Batista. 

O procurador da República Ângelo Goulart Villela foi mais um preso da operação denominada Patmos. A Polícia Federal faz diversas buscas e cumprimento de mandados, inclusive no Tribunal Superior Eleitoral, onde atua o procurador da República preso e do deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR).

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, determinou o afastamento do senador Aécio Neves do mandato. Um pedido de prisão do senador foi negado pelo ministro.

No início da noite de ontem (17), o jornal O Globo publicou reportagem, segundo a qual, em uma gravação de delação, o dono do grupo JBS, Joesley Batista, diz que o presidente do PSDB, senador Aécio Neves, teria pedido R$ 2 milhões ao empresário. O dinheiro teria sido entregue a um primo de Aécio. A reportagem diz ainda que a entrega foi registrada em vídeo pela Polícia Federal. A PF rastreou o caminho do dinheiro e descobriu que o montante foi depositado numa empresa do senador Zezé Perrella.

A assessoria de Aécio Neves divulgou nota ontem na qual diz que o senador "está absolutamente tranquilo quanto à correção de todos os seus atos. No que se refere à relação com o senhor Joesley Batista, ela era estritamente pessoal, sem qualquer envolvimento com o setor público. O senador aguarda ter acesso ao conjunto das informações para prestar todos os esclarecimentos necessários".

Também na noite de ontem, a assessoria do deputado federal Rodrigo Rocha Loures informou que o deputado está em Nova York e tem retorno programado para hoje. A nota diz que em seu retorno, o deputado deverá se inteirar e esclarecer os fatos divulgados. De acordo com o jornal O Globo, o deputado foi indicado pelo presidente Michel Temer como interlocutor para solucionar um problema da JBS. Posteriormente, Rocha Loures teria sido filmado recebendo R$ 500 mil.


Segundo o jornal, ainda não há confirmação de que a delação do empresário tenha sido homologada pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Com informações e foto da Agência Brasil 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Farmácias de Plantão em Cataguases
17 Domingo
18 Segunda
19 Terça
20 Quarta
21 Quinta
22 Sexta
23 Sábado
Econômica FarmaCenter Cataguases II Droganova São Francisco N. Sra. Aparecida Brasil
Drogaria da Vila N. Sra. Rosário Silveira Farmanossa Cataguases Campinho São Mateus