terça-feira, 18 de julho de 2017

Reunião alinha a vinda da Fundação Cristiano Varella para prestar o serviço de oncologia em Cataguases


Uma reunião realizada na segunda-feira, dia 17, na Secretaria de Estado da Saúde (SES), em Belo Horizonte, iniciou o alinhamento para a manutenção do serviço de oncologia em Cataguases. Conforme explicou o secretário municipal de Saúde, Eliermes Teixeira, com o aval da SES, mesmo com o descredenciamento do Hospital de Cataguases para o serviço, provocada pela saída do Instituto Oncológico da cidade, o município passará a contar com uma unidade de atendimento da Fundação Cristiano Varella (FCV). 

“O município intermediou várias saídas para o impasse entre o Hospital de Cataguases e o Instituto Oncológico. Infelizmente, não houve acordo entre as partes. Sendo assim, a Secretaria de Saúde buscou nova alternativa, através da fundação de Muriaé, onde já está habilitada para o serviço. Nesta reunião, inclusive, ficou alinhado que o credenciamento do serviço de  oncologia de Muriaé acontecerá com a instalação desta unidade de atendimento em Cataguases, visto que nosso município atende também diversos outras cidades vizinhas”, afirmou o secretário Eliermes Teixeira.

A reunião em Belo Horizonte contou com a presença do Prefeito Willian, do vereador Vinícius Machado, de representantes da Gerência Regional de Saúde de Leopoldina e de Ubá, de representantes da coordenação estadual de oncologia da SES, além de Sérgio Henriques, diretor da Fundação Cristiano Varella, que demonstrou o interesse da instituição em estar presente em Cataguases. “De nossa parte, estamos dispostos e temos todo o interesse em manter uma base nossa em Cataguases. Precisamos, primeiramente, levantar as informações necessárias sobre o serviço de oncologia que é oferecido hoje, para podermos manter o serviço com toda a qualidade que caracteriza nossa fundação”, disse na reunião o diretor da FCV.

O secretário de Saúde se disse bastante confiante e satisfeito com a reunião, reiterando o alto nível do atendimento da Fundação Cristiano Varella. “Nossa expectativa é a melhor possível, pois sabemos que estaremos dando o melhor aos nossos pacientes. Talvez, num primeiro momento, seja necessário levá-los para o tratamento em Muriaé, até que a unidade de atendimento da Fundação Cristiano Varella esteja funcionando plenamente na cidade. Esperamos que entre trinta e sessenta dias, sejam levantados todos os dados necessários, como a quantidade de pacientes, e sejam instalados equipamentos e designado o corpo médico”, explicou Eliermes. Ele informou ainda que o município passará a atuar como porta de entrada dos pacientes, através de suas unidades de saúde, o que não vinha acontecendo nos anos anteriores.

O prefeito Willian saiu satisfeito da reunião, ressaltando o passo importante que Cataguases está dando no atendimento oncológico. “Nossa preocupação é, principalmente, com as pessoas e, por isso, buscamos oferecer um serviço de qualidade, como o da Fundação Cristiano Varella. Acima de tudo, estamos solidários com aqueles que lutam contra esta doença, e queremos que nossa cidade proporcione um tratamento humanizado e de excelência. O importante é deixar claro que não haverá qualquer interrupção no tratamento de oncologia para os pacientes de Cataguases, quanto a isso, quero tranquilizar a todos”, afirmou o prefeito.

Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Cataguases

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Farmácias de Plantão em Cataguases
13 Domingo
14 Segunda
15 Terça
16 Quarta
17 Quinta
18 Sexta
19 Sábado
Econômica III Droga Minas Coimbra Econômica FarmaCenter São Geraldo Droganova
Brasil Pague Menos Aeropharma Drogaria da Vila N.Sra.do Rosário Silveira Farmanossa