Enviar para imprimir ou salvar PDF

Cobertura Mídia Mineira - Eleições 2018

quinta-feira, 12 de abril de 2018

Roda de Conversa inicia ações "Ônibus Lilás" e fortalece Rede de Apoio de Enfrentamento a Violência Doméstica em Cataguases




Uma Roda de Conversa com a Rede de Apoio de Enfrentamento à Violência Doméstica marcou o início das ações da Unidade Móvel de Tratamento de Violência Contra Mulher, "Ônibus Lilás", na tarde desta quarta-feira (11) em Cataguases.

Organizado pela Prefeitura Municipal de Cataguases através da Secretaria de Desenvolvimento Social, o evento teve como objetivo a formação e o fortalecimento da rede de proteção à mulher e contou com a participação da diretora de Inclusão de Mulheres e Fortalecimento de Redes de Inclusão, da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Participação Social e Cidadania, Andréa do Socorro Luiz, e da psicóloga daquela Secretaria, Júnia Beatriz Mattos, bem como com a secretária municipal de Desenvolvimento Social, Mirilane Licazali; com o vice-prefeito, Tita Lima; com a delegada de Polícia Civil Dra. Érica Nascimento Guedes; sargento Lage, representando a Polícia Militar; com a Diretora da Proteção Especial, Luísa Franco, da coordenadora da Casa de Maria, Daniela Bianchi, além de equipes da Casa da Criança, Casa do Adolescente, CREAS e CRAS.

O Ônibus Lilás é uma unidade de serviço da Rede de Atendimento às Mulheres em Situação de Violência com foco na região rural e locais distantes, de difícil acesso, como comunidades indígenas e quilombolas, em municípios do interior. O serviço faz parte da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Participação Social e Cidadania (Sedpac) e foi repassado ao Estado pelo Governo Federal após reinvindicação das mulheres participantes da "Marcha das Margaridas" em 2013.


Conforme mostrou a coordenadora da Casa de Maria, Daniela Bianchi, no ano de 2017, em Cataguases, foram registrados 529 casos de violência doméstica, sendo que o centro da cidade foi a região onde aconteceram a maior parte dos relatos. Em segundo lugar ficaram empatados os bairros Paraíso, São Marcos e São Diniz. 

A diretora, Andréa do Socorro Luiz, explicou que o objetivo principal da visita do "Ônibus Lilás" em Cataguases é levar ao conhecimento das mulheres dos seus direitos e que a reunião serviu para fortalecimento da rede municipal que é composta pelos serviços das Secretarias de Desenvolvimento Social e Saúde, Polícia Civil, Polícia Militar, Ministério Público entre outros. “A gente vem para fazer o fortalecimento desse trabalho para que a mulher quando precisar de uma ajuda no momento de violência ou não, saiba em qual lugar irá buscar essa ajuda. Essa rede é responsável para acolher essa mulher, as crianças etc. A gente recebe essa demanda e transforma em serviço pra ela como agilizar documentos entre outros", explicou. 


Conforme a secretária de Desenvolvimento Social, Mirilane Licazali, toda demanda levantada pelo ônibus será encaminhada para sua pasta para que seja dado sequencia no trabalho, além de realizar um serviço na região rural que tem o maior déficit de atendimento.

Conforme levantamento de 2017 do instituto Datafolha, a cada hora, 503 mulheres são vítimas de violência no Brasil. Dois terços da população presenciaram uma mulher sendo agredida de forma física, verbal ou psicológica no último ano. A pesquisa, encomendada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, revela que ao menos 4,4 milhões de mulheres foram vítimas de agressões físicas no período de um ano. A estimativa, porém, é de que até 19,9 milhões possam ter sofrido algum tipo de violência nos últimos 12 meses. Os números mostram também que 28,6% das mulheres entrevistadas que concordaram em compartilhar experiências pessoais foram efetivamente violentadas entre janeiro e dezembro de 2016. 61% das mulheres afirmaram conhecer as pessoas que as agrediram e 43% das ocorrências foram na própria casa. A maior parte das agressões relatadas ocorreu com mulheres negras (32%) e pardas (31%). Entre as brancas, o índice de é de 25%. 

Em paralelo a Roda de Conversa o "Ônibus Lilás" ficou posicionado durante toda tarde de ontem em frente ao Paço Municipal para atender as mulheres e hoje seguirá para o distrito de Sereno onde acontecerá nova roda de conversa e atendimento às mulheres no período de 8 às 14 horas.




Nenhum comentário :

Postar um comentário

Vagas de Emprego do SINE Cataguases

Vagas de Emprego do SINE Cataguases