quarta-feira, 30 de maio de 2018

Confirmado óbito por gripe (influenza) "A" em Cataguases; o município tem seis notificações até o momento

Cataguases tem um óbito confirmado por gripe (Influenza) "A" e outros cinco casos notificados. A informação foi passada para reportagem do Site Mídia Mineira pela coordenadora de vigilância em Saúde do Município de Cataguases, Amanda de Souza Penha.

Segundo a coordenadora, das seis notificações deste ano, três casos foram confirmados: o de uma jovem de 20 anos que evoluiu para óbito, de um bebê de 11 meses do sexo feminino e de uma mulher de 39 anos. Os dois últimos estão sendo devidamente medicados. Os casos confirmados ainda não possuem subtipo do vírus definido (H1N1 ou H3N2).

Das outras três notificações, uma já foi descartada, de um homem de 75 anos. Uma paciente de 83 anos e um homem de 50 anos encontram-se sob investigação, aguardando o resultado do exame.

A coordenadora não soube responder se o óbito confirmado foi de uma gestante ocorrido no dia 15 deste mês.

Cobertura Vacinal

Apesar das notificações, Cataguases está quase atingindo a meta de vacinação. Conforme demonstrado (quadro abaixo), até a presente data, o município já está com 90,82% de cobertura vacinal em um universo de aproximadamente 15.972 pessoas que se encontram no público alvo. Devem se vacinar crianças de 6 meses a menor que 5 anos; gestantes; mulheres que deram à luz nos últimos 45 dias (puérperas); pessoas com mais de 60 anos; profissionais da saúde; professores da rede pública e particular; população indígena; portadores de doenças crônicas, como diabetes, asma e artrite reumatoide; indivíduos imunossuprimidos, como pacientes com câncer que fazem quimioterapia e radioterapia; portadores de trissomias, como as síndromes de Down e de Klinefelter; pessoas privadas de liberdade e adolescentes internados em instituições socioeducativas.

A vacinação segue até a próxima sexta-feira (1º) e ainda não há informação se será prorrogada ou não. Quem se encontra dentro do público alvo e ainda não se vacinou, deve procurar o quanto antes, um posto de saúde no seu bairro ou o Centro Municipal de Imunização que funciona dentro da Policlínica Municipal.


Nenhum comentário :

Postar um comentário