Enviar para imprimir ou salvar PDF

sábado, 30 de junho de 2018

Energisa SA arremata lote no leilão de transmissão da ANEEL marcado por forte presença de empresa Indiana

A Energisa S.A. arrematou um dos lotes do leilão de 2,6 mil quilômetros de linhas de transmissão que aconteceu na última quinta-feira (28) na sede da B3 em São Paulo.

Marcado por forte disputa, o leilão teve todos os seus 20 lotes arrematados. Responsável pelo certame, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) prevê investimentos de R$ 6 bilhões e a geração de mais de 13 mil empregos ao longo do período de concessão, que é de 30 anos.

Diferente dos outros leilões em infraestrutura, vence o certame a empresa ou consórcio que oferecer a menor receita para construir e operar as linhas, o que resulta na redução das tarifas cobradas ao consumidor.


As instalações de transmissão deverão entrar em operação comercial no prazo de 36 a 63 meses, a partir da assinatura dos respectivos contratos de concessão. A vigência da concessão é de 30 anos.

Os empreendimentos estão localizados nos seguintes estados: Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.

A grande vencedora do leilão foi a Sterlite Power Grid Ventures Limited. A empresa indiana arrematou 6 lotes (3,4,7,12,15 e 20) no certame. O maior deságio do leilão de 73,92% ocorreu no lote 10 vencido pela Companhia de Transmissão De Energia Elétrica Paulista - CTEEP e a maior disputa aconteceu no lote 19 arrematado pela Energisa S.A após 15 lances.

O lote 19 arrematado pela Energisa fica no estado do Pará e teve um deságio de 57,2% com Receita Anual Permitida de referência (RAP) de R$ 33.515.000.

Fonte: Governo do Brasil, com informações da Aneel

Nenhum comentário :

Postar um comentário