quinta-feira, 28 de março de 2019

População de São Diniz é ouvida pela Câmara sobre destino dos R$ 100 mil doados pela Faculdade Sudamérica para investimento no bairro





A Câmara Municipal de Cataguases realizou na noite desta terça-feira (27), na Escola Estadual Manoel Dutra de Siqueira, no bairro São Diniz, a primeira sessão ordinária itinerante. A reunião serviu para as primeiras discussões sobre a destinação dos R$ 100 mil destinados pelas Faculdade Sudamérica, que serão investidos no bairro. Os moradores também aproveitaram a oportunidade para reclamar do Executivo quanto a obras solicitadas que ainda não aconteceram e do Legislativo pela falta de visita ao bairro.

Entre as reivindicações sobre a destinação do dinheiro, várias propostas surgiram, como pavimentação de ruas, criação de área de lazer, criação de quadra poliesportiva, construção de muro de arrimo para contenção de barranco, reforma da escola, construção da sede da associação de moradores entre outras.

O presidente da Associação de moradores, Cláudio Amâncio, disse que em conversa com algumas pessoas da comunidade foi levantado que deveria ser construída a sede da associação e uma quadra para que as crianças não fiquem brincando na rua, além da cobertura do pátio da escola. "São Diniz precisa de muita coisa, na verdade a gente é um pouco esquecido, mas a gente segue caminhando fazendo nossos pedidos. Eu espero que esta verba seja valorizada e que nós possamos sentar e conversar com todos para poder direcionar da maneira correta, pois a verba não é da associação, mas da comunidade", disse.

A Sra. Cláudia, coordenadora da Escola Estadual Manoel Dutra de Siqueira, disse que gostaria que a escola recebesse um pouco da verba para cobertura, pintura e melhoria para os alunos.


O empresário e proprietário de imóveis na região, Luiz Otávio Franco, lembrou que treze vereadores votaram favoráveis ao projeto, com exceção dos vereadores Paulo Milani e Maria Ângela Girardi e mostrou um abaixo assinado com aproximadamente 300 assinaturas de moradores do bairro onde os mesmos solicitaram que o dinheiro seja utilizado da seguinte forma: 
  • Colocação de meio fio do posto Pampulha até a entrada do bairro São Diniz;
  • que os proprietários de terrenos façam as calçadas;
  • construção de um trevo na entrada do bairro;
  • quebra-molas em vários pontos do bairro; 
  • trevo próximo a mina d'água e
  • asfalto até o Idaic com meio fio. 
Ele também reclamou de um loteamento dentro do bairro que não estaria em conformidade com a Lei, segundo ele, a pavimentação até o loteamento seria obrigação do loteador e pediu que os vereadores fiscalizem o mesmo.

Ao final da sessão, ficou definido o dia 26 de abril para a realização de uma audiência pública onde as propostas serão protocoladas para uma posterior votação no bairro entre as propostas selecionadas.

Faculdade Sudamérica

Após chamamento público para ocupar, por 20 anos, as dependências do antigo Instituto de Desenvolvimento Agroindustrial de Cataguases (IDAIC) no bairro São Diniz que se encontrava desativado, a única instituição de ensino que se interessou e apresentou projeto foi a Sudamérica, a cessão de uso foi oficializada no dia 12 de fevereiro deste ano. O sitio de 15 alqueires vai receber obras para abrigar um hospital veterinário e laboratórios do curso de Medicina Veterinária, que já começou em Cataguases. Em contrapartida a faculdade ofereceu o seguinte:
  • Castrações anuais de cães e gatos;
  • doações de cursos de capacitação profissional;
  • assistência a comunidade de Cataguases em diversas áreas, especialmente no controle e tratamento de doenças de animais domésticos (pequeno porte) e animais de produção (grande porte).
  • Investimento de R$ 100 mil no Bairro São Diniz a ser definido pelos moradores do bairro.
Segundo informações da faculdade o projeto prevê, em cinco anos, triplicar ou mesmo quadruplicar o número de alunos da instituição, gerando 150 novos empregos diretos e sempre priorizando a mão de obra local. A expectativa é que a vinda da Faculdade possa desenvolver o bairro e aquecer o comércio, setor imobiliário, entre outros da cidade, trazendo emprego e renda para o município.









Nenhum comentário :

Postar um comentário