quinta-feira, 28 de novembro de 2019

Polícia Civil faz operação de combate a violência contra a mulher em todo o Estado com prisões em Miraí e Rodeiro

A Polícia Civil de Minas Gerais deflagrou, nesta terça-feira (26) e quarta-feira (27), a operação "Marias'. A ação acontece em todas as Regiões Integradas de Segurança Pública do Estado de Minas Gerais.

Nesta quarta-feira a PCMG busca por envolvidos em Violência Doméstica. Na terça os alvos foram os abusadores de meninas, menores de 18 anos de idade. 

Aproximadamente, 40 policiais civis, em 14 viaturas policiais participam da operação, sendo cumpridos dois mandados de prisão, em desfavor de envolvidos em Violência Doméstica: 

  • Um no município de Miraí, que pertence à 3ª Delegacia Regional de Leopoldina. O alvo também foi preso em flagrante delito, por envolvimento em violência doméstica; 
  • E o outro no município de Rodeiro, que pertence à 2ª Delegacia Regional de Ubá.

Também foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão em cidades da Zona da Mata, na área do Departamento. De acordo com a Delegada Carolina Gonçalves, que atua na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher em Juiz de Fora, foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão no município, nos Bairros Alto Santa Rita e Jardim do Sol, e foram apreendidos  um notebook, um pendrive e um celular. O material será encaminhado à perícia para dar continuidade a investigações. Segundo ela, também foi realizada fiscalização relacionada a medidas protetivas.  Também foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão em Muriaé e um em Viçosa.

O nome “MARIAS” faz referência à Maria da Penha Maia Fernandes, vítima emblemática de violência doméstica, referencial na luta em defesa dos direitos das mulheres e cuja identidade inspirou para a nomenclatura da lei “Maria da Penha”, ferramenta fundamental no combate à violência doméstica de familiar.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Polícia Civil

Nenhum comentário :

Postar um comentário