sábado, 2 de novembro de 2019

Rapaz sofre acidente e tem CNH suspensa após empinar moto e tentar fugir da PM em Cataguases

Um jovem de 19 anos se acidentou e acabou detido pela Polícia Militar após empinar sua motocicleta e dirigir perigosamente em via pública na tentativa de se livrar da viatura de polícia. O fato ocorreu na noite desta sexta-feira, 1º de novembro no bairro Taquara Preta em Cataguases.

De acordo com informações da Polícia Militar, por volta das 19h30min, durante patrulhamento de rotina pelo bairro Taquara Preta, os militares avistaram cinco motocicletas agrupadas transitando em alta velocidade, sendo que um dos motociclistas estava empinando o veículo. De imediato a viatura retornou para tentar interceptar o grupo mas, os motoqueiros se dispersaram, indo cada um para um lado. Os policiais continuaram a perseguição a motocicleta Honda CG preta, a qual o condutor havia empinado. No entanto, mesmo com a sirene e giroflex ligados, o condutor não atendeu as inúmeras ordens de parada, aumentando ainda mais a velocidade e desrespeitando toda sinalização, até que acabou derrapando ao tentar realizar uma curva, em alta velocidade, na Rua Geraldo Costa Cruz, vindo a chocar-se com uma cerca de arame.

Foi procedida a abordagem e constatado que o condutor é habilitado e que os documentos do veículo também estavam em dia. No entanto, ele recebeu voz de prisão em flagrante pelo crime de direção perigosa e teve sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH) recolhida.

Na motocicleta os policiais constataram um adesivo com os dizeres: "244 não é crime" (foto abaixo), que provavelmente seria uma alusão ao Artigo 244 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), que classifica como Infração gravíssima, entre outras coisas, fazer malabarismo equilibrando-se apenas em uma roda e prevê Multa e suspensão do direito de dirigir, além do recolhimento da habilitação.

O rapaz foi levado para o Pronto Socorro Municipal no Hospital de Cataguases, com diversas escoriações pelo corpo devido a queda. Em seguida precisou assinar um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), para responder posteriormente. O veículo foi removido para um pátio credenciado junto ao Detran.

Nenhum comentário :

Postar um comentário